Macaé News
Cotação
RSS

Macaé inicia testagem em massa da população na busca ativa de novos casos de Covid-19

Publicado em 13/06/2020 Editoria: Saúde sem comentários Comente! Imprimir


 A Prefeitura de Macaé vai iniciar na próxima semana um mutirão de testagem sorológica para o Covid-19 em bairros que registram o maior número de óbitos da doença. O município é também a primeira cidade do Estado do Rio de Janeiro a realizar exames em massa dos profissionais do comércio, antes da reabertura das atividades.

A estratégia reforçará a busca ativa de novos casos também junto aos idosos, profissionais da saúde e trabalhadores do comércio local. A nova ação foi anunciada pelo prefeito Dr. Aluízio dos Santos, em sua rede social. O bairro Parque Aeroporto receberá na quarta-feira (17) a equipe de testagem, composta por enfermeiros, técnicos e biólogos.

“É fundamental que os moradores façam o teste. Precisamos atender principalmente os idosos. Aqueles que não puderem comparecer por dificuldade de locomoção deve informar a equipe que irá até a sua residência”, explicou Dr. Aluízio.

Nesta primeira fase serão aplicados 15 mil testes sorológicos IgG e IgM que identificam se a pessoa teve ou não o contato com o vírus através da produção de anticorpos. Os casos positivos terão a contra prova através do exame PCR, que faz o isolamento do coronavírus.

Os profissionais da saúde também serão testados para o Covid-19 em seus postos de trabalho. A prefeitura reforçou também o estoque de testes no Centro de Especialidades Médicas Dona Alba, unidade que recebe empresários, funcionários e colaboradores dos estabelecimentos comerciais, que serão liberados a partir de novos decretos. Atrás desta ação, iniciada na semana passada, foi possível identificar cinco novos casos do coronavírus em trabalhadores de uma empresa com 50 funcionários.

“Em média, são realizados 300 exames para o Covid-19 em Macaé. Os casos identificadas são colocados em quarentena de forma imediata. Precisamos identificar de forma rápida os casos, antes que a doença evolua para a forma severa, preservando assim a vida dos pacientes”, avaliou o prefeito Dr. Aluízio.

Com a busca ativa dos novos casos e o acompanhamento imediato dos pacientes, Macaé busca reduzir a taxa de ocupação dos leitos de Centro de Terapia Intensiva (CTI) para pacientes do coronavírus.

› FONTE: O Dia


sem comentários

Deixe o seu comentário